Destaque Notícias

Assembleia do SINDSERM decide por Greve Geral de 48 horas a partir de 24 de maio

Escrito por SINDSERM THE

Na manhã desta quinta-feira (18), o SINDSERM realizou Assembleia Geral com paralisação com as pautas: informes, reajuste salarial 2017, precatório do FUNDEF, campanha Cai Fora, Montezuma, ação dos níveis das(os) servidoras(es) administrativas(os), gratificações e decretação da Greve Geral por tempo indeterminado. A Assembleia decidiu por iniciar uma Greve Geral da categoria municipal, com duração de 48 horas, a partir do dia 24 de maio.

A direção informou que as normas já aprovadas continuam sendo dadas como orientações: não assinar frequência de horário pedagógico e assinar apenas o diário de classe.

O Ministério Público Estadual recebeu a direção que solicitou processo de suspensão do concurso para professoras(es) temporárias(os) para a SEMEC. É entendido que as 527 vagas ofertadas para profissionais temporários ultrapassam consideravelmente a quantidade de postos a serem preenchidos por professoras(es) em casos de substituição. Sobre a questão das tentativas de impedimento de entrada da direção do SINDSERM e seus advogados, nas unidades escolares, foi informado que o MP e a OAB-PI já se manifestaram para defender o direito de representação da entidade junto à base.

Negociação com a PMT

Ainda não houveram avanços e a postura da Prefeitura de Teresina é de não negociar as pautas das(os) servidoras(es). Os membros da direção e da base que estiveram na reunião com a SEMA e secretários da PMT, no dia 15 de maio, informaram que não teve atendimento às pautas e o único que teve andamento foram a disponibilidade dos contracheques online em 5 dias antes dos pagamentos.

Assessoria jurídica

A assessoria jurídica falou das dificuldades de localização de processos em curso e que, para facilitar o andamento, é necessário que os pedidos sejam comunicados ao Sindicato previamente. Ao receber qualquer notificação, a(o) servidora(or) deve comparecer ao SINDSERM e solicitar a assistência jurídica. No informe, foi repassado que nada foi decidido a respeito da ação dos níveis e que o precatório do FUNDEF não tem perspectiva de ser devolvido.

Campanha: Cai Fora, Montezuma

Nos informes da Diretoria de Comunicação e Imprensa, foi repassada a reativação da campanha contra o secretário de Educação, com o novo mote: Cai Fora, Montezuma. Camisas estão sendo vendidas por R$ 20,00. O dinheiro arrecadado irá fortalecer a campanha e servirá para auxiliar servidoras(es) em caso de perseguição. Quem desejar gravar vídeos com denúncias deverá procurar a Assessoria de Comunicação.

Caravana

Foi deliberada a ida de um ônibus com 20 vagas para Brasília, com saída no dia 22 e retorno no dia 26 para participação nas mobilizações nacionais contra as reformas do Governo Temer. Foi aprovado também, um auxílio financeiro de R$300,00 para 10 servidoras(es) que procurarem o Sindicato para ir à Brasília na data.

Outros encaminhamentos

SINDSERM realizará noite cultural no dia 2 de junho, sexta-feira.

Foi aprovado empréstimo do SINDSERM a servidores do SAMU que sofreram descontos durante movimento paredista.

Greve Geral

Greve Geral da categoria municipal, com duração de 48 horas, a partir de 24 de maio. Dia 24 será realizada uma assembleia para avaliar o movimento e decidir se a Greve Geral deverá continuar por tempo indeterminado.

Sobre o autor

SINDSERM THE

Sindicato das(os) Servidoras(es) Públicas(os) Municipais de Teresina

Deixe um Comentário